Make your own free website on Tripod.com

Estrutura Curricular

 

 

O CURRÍCULO do curso abrange uma seqüência de disciplinas e atividades ordenadas por matrículas semestrais em uma seriação aconselhada. O currículo do curso, composto por disciplinas de caráter obrigatório e por um conjunto de disciplinas optativas, deve ser cumprido integralmente pelo aluno a fim de que ele possa qualificar-se para a obtenção do diploma.

A atual estrutura curricular possui matérias de formação básica, profissional e geral, definidas a partir da Resolução 48/76 do CFE, de acordo com o perfil do engenheiro a ser formado. As matérias de formação básica, comuns a todas as áreas, abordam os fundamentos científicos e tecnológicos da Engenharia, cobrindo a Matemática, Física, Mecânica, Química, Desenho, Processamento de Dados, Eletricidade, Resistência dos Materiais e Fenômenos de Transportes.

As matérias de formação profissional estão voltadas para os problemas específicos da atividade mineral, cobrindo os campos de Topografia, Geologia Geral, Mineralogia e Petrografia, Geologia Econômica, Pesquisa Mineral, Lavra de Minas e Tratamento de Minérios, cujas disciplinas são ministradas paralelamente com as disciplinas básicas desde os períodos iniciais do Curso.

As matérias de formação geral visam fornecer aos futuros Engenheiros noções básicas de controle ambiental, economia, administração, legislação, sociologia e ética profissional, no contexto da atividade mineral.

O CURRÍCULO do Curso de Engenharia de Minas também possui disciplinas de caráter adicional. A carga horária e os créditos das disciplinas opcionais-facultativas não entram no cômputo da carga horária exigida para a integralização curricular e são oferecidas como enriquecimento do Currículo Pleno do Curso.

 

Disciplinas do currículo mínimo

 


I) DISCIPLINAS DO CURRÍCULO MÍNIMO

FORMAÇÃO PROFISSIONAL ESPECÍFICA:

 

Estágio Integrado

FORMAÇÃO BÁSICA:

Geoestatística Aplicada à Mineração

Álgebra Linear I

Introdução à Engenharia de Minas

Álgebra Vetorial e Geometria Analítica

Metalurgia Extrativa

Cálculo Diferencial e Integral I

Pesquisa Operacional Aplicada à Mineração

Cálculo Diferencial e Integral II

Projetos de Mineração

Cálculo Diferencial e Integral III

Química Analítica Mineral

Cálculo Numérico

 

Eletrotécnica Geral

III) DISCIPLINAS OPTATIVAS OBRIGATÓRIAS

Fenômenos de Transporte (Minas)

 

Física Experimental I

FORMAÇÃO GERAL:

Física Experimental II

Língua Portuguesa – 5 créditos

Física Geral I

Língua Instrumental (Inglês) – 5 créditos

Física Geral II

Relações Humanas – 3 créditos

Física Geral III

Sociologia Industrial – 3 créditos

Geometria Descritiva e Introdução ao Des. Técnico

 

Introdução à Ciência da Computação

FORMAÇÃO PROFISSIONAL:

Mecânica Geral I

Construções de Concreto Armado I – 4 créditos

Mecânica Geral II

Estabilidade das Construções – 4 créditos

Probabilidade e Estatística

Estruturas Metálicas e de Madeira – 4 créditos

Química

Hidrogeologia – 3 créditos

Resistência dos Materiais I

Mecânica dos Solos – 3 créditos

 

Prospecção Geofísica – 3 créditos

FORMAÇÃO GERAL:

Recursos Minerais do Brasil – 2 créditos

Administração

Sensoriamento Remoto – 3 créditos

Controle Ambiental na Mineração

Teoria das Estruturas – 4 créditos

Direito Mineral

Tópicos Especiais em Engenharia de Minas – 3 créditos

Economia Mineral

Qualidade Total – 3 créditos

 

 

FORMAÇÃO PROFISSIONAL GERAL:

IV) DADOS INERENTES À INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR

Fotointerpretação

 

Geologia Econômica

Mínimo de Créditos das Disciplinas Obrigatórias – 174

Geologia Geral

Mínimo de Créditos das Disciplinas Optativas – 22

Lavra de Minas à Céu Aberto

Mínimo de Créditos das Disciplinas Complementares – 40

Lavra de Minas Subterrâneas

Total de Créditos do Currículo Mínimo – 236

Manutenção de Equipamentos

 

Mecânica das Rochas I

Mínimo de Créditos por Período – 15

Mecânica das Rochas II

Máximo de Créditos por Período – 32

Mineralogia

Número de Trancamentos de Períodos Letivos – 5

Perfuração e Desmonte de Rochas

Número de Trancamentos de uma Disciplina – 2

Pesquisa Mineral

 

Petrografia

V) OBSERVAÇÕES

Topografia Aplicada à Mineração

 

Tratamento de Minérios I

C.R.E = SOMA((MFxCH)/CHT)

Tratamento de Minérios II

 

Tratamento de Minérios III

Nn = (25-3MF)/2

 

 

FORMAÇÃO PROFISSIONAL ESPECÍFICA:

Onde:

Avaliação Econômica de Projetos Mineiros

C.R.E = Coeficiente de Rendimento Escolar

 

MF = Média Final da Disciplina

II) DISCIPLINAS COMPLEMENTARES OBRIGATÓRIAS

CH = Carga Horária da Disciplina

 

CHT = Carga Horária Total

FORMAÇÃO BÁSICA:

Nn = Nota Necessária na Prova Final

Equações Diferenciais Lineares

 

 

 

FORMAÇÃO PROFISSIONAL GERAL:

 

Estabilidade de Taludes Aplicada à Mineração

 

Geologia Estrutural e Introdução à Geotectônica

 

Segurança e Ventilação de Minas

 

Transporte e Manuseio de Materiais

 

 

VOLTAR